Jornalismo

Campinas | 24/05/2018 - 11h59 Imprimir

População sofre com frota reduzida de ônibus

Frota de ônibus: ações preventivas | Foto: Divulgação / PMC

Campinas (SP) entrou no segundo dia (24/05) com frota de ônibus reduzida em 40% devido ao movimento grevista dos caminhoneiros, que bloqueiam as bases de abastecimento de combustível na região, principalmente em Paulínia (SP). A categoria protesta desde o início da semana contra as altas dos preços do diesel. Do total de pouco mais de mil ônibus do sistema de Campinas apenas 624 estão circulando nesta manhã de quinta-feira (24). O esquema, segundo os fiscais da Emdec, é o mesmo operado aos sábados. No terminal Ouro Verde, passageiros enfrentam longas filas nesta primeiras horas do dia. São 28 linhas e cerca de 65 mil passageiros por dia. O tempo de espera que era de 5 minutos, agora passa dos 15 minutos. Este período pode ser até maior, dependendo da linha procurada pelo usuário. A frota foi reduzida desde a tarde de quarta-feira (23) para o combustível das empresas não acabar, já que o estoque é de um dia e meio. Em Campinas, rodam 831 ônibus diariamente por cinco concessionárias operadoras. O consumo diário de óleo diesel pelas concessionárias de Campinas é de 124 mil litros. O diesel representa 27,79% do custo do transporte.

por Redação
TVB Nova FM DCI
Uma empresa do GRUPO SOLPANAMBY
© 2018 Radio Central AM. Todos os direitos reservados. Estúdio Copacabana Estúdio Copacabana