Jornalismo

Paulínia | 08/11/2019 - 00h10 Imprimir

Justiça decreta prisão de vereador de Paulínia

A Justiça decretou a prisão preventiva do vereador Tiguila Paes, de Paulínia, num processo denunciado pelo Ministério Público sobre golpe em vendas de terrenos na cidade. De acordo com o MP, o grupo simulou a venda de casas no Residencial Pazetti e em outros empreendimentos. As vítimas teriam sido atraídas pelo preço acessível e possibilidade de pagamento teriam sido enganadas e acabaram lesadas. De acordo com a Promotoria, a participação de Tiguila e de funcionários públicos é que tornaram a negociação possível. Os fatos ocorreram entre os anos de 2014 e 2015. O MP afirma ainda que os réus passaram a ocultar o patrimônio adquirido mediante a venda destes terrenos.

por Redação
TVB Nova FM
Uma empresa do GRUPO SOLPANAMBY
© 2019 Radio Central AM. Todos os direitos reservados. Estúdio Copacabana Estúdio Copacabana